Adamor Picanço


CENTRO DIDÁTICO RAIMUNDO ADAMOR PICANÇO

Localizado na Rua Jovino de Noá, atrás do Super Fácil do Beirol e dá nome à praça de lazer do bairro Beirol, em Macapá, numa justa homenagem da administração estadual ao desportista amapaense que defendeu vários clubes no Estado e faleceu numa quinta-feira do dia 10 de fevereiro de 2011, por volta de 12h30min, no Hospital São Camilo em Macapá. O logradouro conta com uma arena de futebol de areia com duas arquibancadas em concreto armado, cabine de locução, quadra poliesportiva coberta, duas quadras de voleibol de areia, playground, conjunto de banheiros, pavimentação de bloquete, área gramada, lanchonete, centro comunitário e subestação aérea de 150 KVA. oferecendo aos moradores do bairro Beirol e áreas adjacentes um local de entretenimento, cultura e lazer.

O homenageado

QUEM FOI ADAMOR PICANÇO - Raimundo Adamor Picanço, o Wanderley, nasceu no dia 20 de agosto de 1942, em Macapá. Filho de Silvarina Maria Picanço, foi o primeiro de três descendentes. Aos 12 anos de idade começou sua trajetória pelos campos de futebol do Amapá. O pontapé inicial foi dado no campo da Praça da Matriz, fazendo parte da Fijó – Federação Infanto Juvenil Oratoriana, criada pelo padre Paulo Di Coppi, e fazia parte da Prelazia de Macapá. Em meio a pequenos campeonatos promovidos pelos padres do PIME, eis que surge o Juventus Esporte Clube, equipe que consagrou o início da carreira de Wanderley como um dos melhores goleiros do Amapá de todos os tempos, aos 16 anos de idade. A partir daí, Adamor defendeu diversos times do Amapá, como Santana Clube, Juventus, Sociedade Esportiva e Recreativa São José, Esporte Clube Macapá, Ypiranga Clube e a Seleção Amapaense de Futebol por várias vezes, foi campeão amapaense, excursionou à Guiana Francesa e encerrou sua carreira no Ypiranga Clube.

Raimundo Adamor Picanço, Professor de educação física e natação, goleiro, árbitro; Wanderley era amante do esporte e do carnaval, sendo um dos membros do maior bloco de sujos da região Norte, A Banda. Foi ele quem sugeriu dar nome ao boneco “Anhanguera” em homenagem à Avenida do Bairro do Beirol, onde residiu por muitos anos com sua família.

O CDRAP Em parceria com a Federação de Vôleibol, Futevôlei,  Beach tênis e a comunidade, faz acontecer diversas atividades, como a Copa Amapá de Futevôlei, Etapa de vôlei de praia (masculino e feminino) categorias de base e adulto, realizado no início do ano. Além dos programas que acontecem diariamente, como o Núcleo de Apoio às Famílias – NASF, do Projeto Viver melhor, para pessoas da 3ª Idade, das 08 às 10h00, Preparação física da Policia Militar, das 15 as 17 horas e Capoeira Império regional, administrada pelo mestre de capoeira, Urso Polar, das 20h00 as 22h00, nos dias de Segundas, quartas e sextas-feiras. Nos dia de terças e quintas-feiras, das 20h00 as 22h00, acontecem dança de salão, realizada pela Companhia de valsa,

 A partir do segundo trimestre irão iniciar as aulas das escolinhas, com as seguintes modalidades: Futebol, Futsal, Judô, Capoeira, Ginástica para terceira idade, futevôlei, vôlei de praia, tênis, funcional cross fit, atletismo e tênis de Mesa. E serão ofertadas 100 vagas. O público alvo são crianças, jovens e adultos a partir de 08 anos de idade.



NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

SEDEL - Secretaria de Estado do Desporto e Lazer
RUA HILDEMAR MAIA N 1497- SANTA RITA Cep: 68901-271 - Macapá - Amapá - (96) 4009-9650 - sedel@sedel.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2021 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá